polska
polska
suécia

origem

as raízes da polska remontam ao século XVII, sendo esta a mais antiga dança sueca.

é composta de duas partes: a progressão, em que os pares avançam no sentido contrário aos dos ponteiros do relógio e a rotação. nesta dança, deve dominar-se o ritmo ternário da música, que tem ênfase no tempo 1 e no tempo 3, sendo o tempo 2 uma espécie de suspensão.

no que diz respeito à rotação, deverá ser o líder a tomar a iniciativa de a iniciar, colocando-se em frente do seu par e posicionando ambos os pés de forma intercalada, de modo a possibilitar uma maior estabilidade no movimento.
é uma dança doce, suave, que requer uma grande cumplicidade com o par, para que à medida que dançam possam ir ajustando os seus movimentos um ao outro. para além do mais, porque é uma dança de movimento e iniciativa mais ou menos livre, deverá ter-se em bastante atenção os restantes pares do baile, para que não ocorram “choques frontais”.

 uma dança aparentemente fácil, mas que exige bastante treino antes do perfeito domínio.

 

ritmo

ternário

fontes

Charles Prat-Filloz